Está aqui

Há cada vez mais casas vendidas em projecto. O regresso da venda em “papel” numa primeira fase aconteceu em Lisboa e no Porto assim como em alguns locais do Algarve. No entanto em Aveiro, e nos projectos do gabinete isso voltou a ser uma constante. Deve-se a clientes nacionais mas também estrangeiros a ponto de ser alvo de notícia das televisões, confirmado por operadores do mercado. Tem-se verificado sobretudo no centro mas também nas casas unifamiliares de áreas controladas, mas também nos projectos mais exclusivos e requintados.