Está aqui

Esta associação uma das poucas que sobrevive ao associativismo em Portugal,
curiosamente esta região é muito propicia ao aparecimento deste tipo de
associações talvez por ai existirem muitos apoios sobretudo das industrias
químicas da região que são muitas e que para “possivelmente” compensar
o malefício dos gases e prejuízo nas terras decidiram apoiar as
associações locais.
É de encorajar e elogiar o que resta deste tipo de associações, tendo em
conta a realidade social actual.
Deste projecto que desde o seu inicio teve imensas alterações, assim
contínua a ser é quase uma solução mutante que tem de se adaptar ás
realidades actuais quer sejam politicas quer sejam sociais.

Deste projecto que desde o seu inicio teve imensas alterações, assim
contínua a ser é quase uma solução mutante que tem de se adaptar ás
realidades actuais quer sejam politicas quer sejam sociais.
Actualmente, e em comparação com a solução original esta acabou por ter
imensas pequenas alterações, encontrando-se mais pequena e esteticamente
com pequenos ajustes, obrigando à alteração de licenciamento.
Esta associação uma das poucas que sobrevive ao associativismo em Portugal,
curiosamente esta região é muito propicia ao aparecimento deste tipo de
associações talvez por ai existirem muitos apoios sobretudo das industrias
químicas da região que são muitas e que para “possivelmente” compensar
o malefício dos gases e prejuízo nas terras decidiram apoiar as
associações locais.

Esta associação uma das poucas que sobrevive ao associativismo em Portugal,
curiosamente esta região é muito propicia ao aparecimento deste tipo de
associações talvez por ai existirem muitos apoios sobretudo das industrias
químicas da região que são muitas e que para “possivelmente” compensar
o malefício dos gases e prejuízo nas terras decidiram apoiar as
associações locais.