Está aqui

O terreno foi escolhido pela próximidade que tem com o espelho da ria de Aveiro. Previligiou-se a relação interior exterior, e de forma mais acentuada no tardoz do terreno atendendo às vistas e também à sua favorecida exposição solar. Localiza-se entre duas marinas e na marginal da ria está previsto uma série de equipamentos que valorizam e potênciam o seu uso.

Está estudado que o ideal de casa para o português é a habitação isolada em terreno amplo, bem sabemos que a realidade aponta para que tenha na maior parte dos casos de decidir por outras tipologias. Segue-se a habitação isolada em dois pisos, e a geminada, sendo a banda de habitações aquela que reune menor simpatia. A solução mais frequente é a habitação geminada, talves por estar no meio termo entre a isolada e a banda. O grande problema actualmente é sem duvida nenhuma a "tentação" de densificar ou por uma questão de ganância do lucro ou por necessidade de controlar os custos por casa.

Trata-se de uma casa que se desenvolve apenas em piso terreo, com programa completo de 3 quartos, um deles privativo, escritório e cozinha e sala de amplas dimensões. A relação com a rua é desvalorizada em relação ao interior do lote, colocando-se a garagem na frente da construção e os espaços sociais no tardoz do lote. Os materiais utilizados são aluminio e tijoleora rustica de cor castanha e picada.

A vontade de transformar o jardim na divisão mais importante da casa é uma das premissas deste projecto (e de muitos outros já realizados ou ainda na fase de concepção) . Deixar quase ao limite a indefinição entre interior e exterior , que apenas é contrariado por questões climáticas e de privacidade foi uma intenção propositada. A natureza (mesmo controlada) é fundamental para a saude fisica e espiritual de individuo.

A descrição e contenção formal do exterior , são propositadamente "rompidos" no interior onde a relação entre espaços quer horizontalmente quer verticalmente são marcados por uma sucessão de elementos todos diferênciados, mas com um fio condutor. A magia proporcionada pela luz e a forma como esta é trabalhada pela construção é talvez o aspecto mais interessante deste edifício. Já com casas habitadas na Quinta da Barra, e com um grau de satisfação total, está agora em inicio de construção o lote 63, estando em fase de construção mais duas habitação isoladas no mesmo loteamento e em fase de projecto mais quatro casas.

A piscina de hidromassagem faz parte de um espaço constituido por diversos elementos; o hall de entrada do quarto; a casa de banho; o quarto; o vestiário; terraço com jardim suspenso o hall de entrada do quarto. a articulação entre todos estes elementos foi estudada por forma a possibilitar percursos que não colidam. Antes de mais a zona de quarto privativo pretende ser um espaço de refugio e relaxamento da azafama diária.

Neste caso a cozinha apesar de se localizar muito mais periférica em relação a toda a casa não deixa de ser e provávelmente por isso mesmo , não deixa de ser um espaço criteriosamente cuidado e prático. Esta casa é sobretudo uma tentativa de realizar uma idea, e não tanto um padrão arqutectónico definido. A ideia surge sempre do esforço de responder às necessidades do homem e por vezes isso leva-nos um pouco mais além, mas num esforço para ser uma mais valia na qualidade de vida...

O modernismo poderá já não ser sustentável enquanto sistema de valores e convicções, mas as previsões para a morte do seu reportório formal nunca se cumpriram e, pelos anos 90 assistiu-se a um importante revivalismo neo-moderno que explorava muitas das possibilidades estéticas e espaciais formalizadas nos anos 20. Uma cozinha é uma cozinha e pronto está tudo dito!.

A luz confere uma enorme magia a estes espaços; o sol inundando e matizando o pavimento, ou apenas a luz do dia filtrada pelo vidro translúcido e as sombras da envolvente, num jogo de permanentes cambiantes sobre as superfícies translúcidas, ondeiam como pinceladas de escrita. A magia da casa (desta ou de outra) vive da magia que se possa criar com a envolvente que tem sempre o seu encanto desde que se saiba tirar partido do mesmo.

A casa consta de nucleos volumetricos articulados para ardilosamente procurar os raios de sol . É na articulação de pateos interiores e exteriores que a riquesa formal dos espaços se concretiza em nuances de luz cuidadosamente reflectidas em paredes estanhadas onde a textura tira partido da cor. Em contraponto paredes de rugosidade extrema recebem a luz mais difusa vinda do esterior

Páginas